Desporto

Mantorras processa joelho direito

Por Carla Cacha 25 de Julho 2007 Comentar (1) Enviar -->

Em causa algumas passagens da autobiografia

Pedro Mantorras vai processar o seu joelho direito (JD) por difamação: “Já falei com o meu advogado e vamos levar o caso até às últimas consequências”, afirmou o jogador do Benfica. A situação tem contornos caricatos uma vez que Andrade de Sousa, o advogado do jogador, é também defensor de JD. Tentámos contactar Andrade de Sousa mas, até ao fecho da edição, não nos foi possível obter reacções do advogado.

Recorde-se que na passada segunda feira, Pedro Mantorras lançou a sua autobiografia “Livro Directo”, num centro comercial em Almada, acompanhado pelo Presidente do Benfica, Luis Filipe Vieira, e por Nuno Gomes. Hoje foi a vez de JD apresentar, no mesmo centro comercial, a sua visão sobre a carreira de ambos desde que chegaram a Portugal, entitulada “Direito de resposta”. A polémica estalou quando o jogador, presente no lançamento, teve conhecimento de algumas passagens da autobiografia de JD. Não fosse a pronta intervenção dos seguranças de Mantorras e “eles tinham chegado a vias de facto”, afirmou Zé Carlos, um dos muitos benfiquistas que assistia ao lançamento de “Direito de resposta”.

A passagem mais polémica surge na página 233 quando JD afirma que Pedro Mantorras “é o único culpado da lesão” que o afecta há mais de quatro anos. O jogador é acusado de, ao minuto 85 do jogo entre o Benfica e o Gondomar, a contar para a Taça de Portugal, no estádio da Luz, ter tentado rematar quando, “naquela situação, era óbvio que devia ter optado pelo passe para o seu colega de equipa”. JD afirma ter sentido uma picada logo após o remate, que mais tarde viria a descobrir tratar-se de uma lesão grave.

José Gabriel Quaresma, jornalista da TVI, é o autor das duas autobiografias e poderá ser peça importante no desfecho do processo. Sobre a polémica, o jornalista foi parco nos comentários: “Limitei-me a fazer o meu trabalho, de acordo com os relatos dos meus clientes”. Para José Gabriel Quaresma, esta questão deve ser resolvida “entre o jogador e o seu joelho direito, sem recurso aos tribunais”, deixando perceber no seu discurso a mágoa que sente por ver “dois grandes amigos zangarem-se por algo tão pequeno e sem importância”.

Comentários

Um comentário a “Mantorras processa joelho direito”

  1. E mais uma novela que assombra o futebol Portugues!Ou muito me engano ou muito em breve o joelho direito de Pedro Mantorras irá ser constituido arguido no processo apito dourado!Semprei achei estranho a entrega em jogo do Joelho direito de Pedro Mantorras ser tão de baixo rendimento quanto a do joelho esquerdo!Valeu e vale a Pedro Mantorras o seu jogo de cabeça, que em termos de jogo pensado o seu Futebol Clube do Porto na pré epoca é ja o apelidado campeão virtual.É caso para dizermos…E assim se vai jogando no futebol Português.

    Por Dado F | 12 de Setembro 2007, 1:50

Comentar